Home » F1: FP2 – Leclerc novamente na frente, incerteza por causa dos ataques em Jeddah

F1: FP2 – Leclerc novamente na frente, incerteza por causa dos ataques em Jeddah

Sessão começou atrasada por causa do bombardeamento

A segunda sessão de treinos livres em Jeddah aconteceu mas o destaque vem de fora da pista.

Durante a primeira sessão de treinos livres, um míssil atingiu um depósito da Aramco a pouco mais de 10km do circuito (e não 30km, como se chegou a falar inicialmente). Entre as sessões, decorreu uma reunião de urgência entre a FIA e os responsáveis das equipas.

A FP2 acabaria por começar 15 minutos atrasada mas começou. Os responsáveis locais deram garantias de que estavam reunidas condições de segurança mas ainda há muita incerteza à volta da corrida.

Leclerc o mais rápido em pista

Na pista, as coisas não foram muito diferentes da primeira sessão. A Ferrari e a Red Bull foram novamente as mais rápidas, com Charles Leclerc a fazer o melhor tempo. Verstappen fez a segunda melhor volta mas marcou o melhor tempo de médios, depois de ter tido de abortar a sua volta rápida de macios. Sainz foi terceiro e, tal como Verstappen, não conseguiu fazer volta rápida de macios. Sergio Pérez fez o quarto melhor tempo, na frente dos dois Mercedes.

A Mercedes continua a debater-se com muitos problemas de bamboleio e colocou os dois carros no mesmo sítio onde estiveram no Bahrein – logo atrás dos Ferrari e dos Red Bull.

Nota também para Tsunoda e Magnussen, ambos a ficarem parados em pista. Segunda sessão consecutiva com problemas para o dinamarquês.

Amanhã o terceiro treino livre é às 14h00 e temos a Qualificação às 17h00… se não cair mais nenhum míssil até lá.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *