Home » F1: Grande Prémio de Las Vegas confirmado já para 2023

F1: Grande Prémio de Las Vegas confirmado já para 2023

É oficial: Fórmula 1 regressa a Las Vegas 40 anos depois

Vegas, baby!
Era um dos segredos mais mal guardados dos últimos tempos mas foi finalmente confirmado. Cerca de 40 anos depois do último Grande Prémio de Caeser’s Palace, a Fórmula 1 está de regresso a Las Vegas.

A Fórmula 1 anunciou a nova corrida num evento na fabulous Las Vegas na noite passada, já madrugada em Portugal, e anunciou também que a prova vai acontecer já em 2023. O que aconteceu lá, soube-se em todo o lado.

O novo circuito citadino irá utilizar paisagens bem conhecidas. São 14 curvas em sentido anti-horário e parte do traçado irá utilizar a icónica Strip de Las Vegas, com dezenas de casinos e hotéis a servir de pano de fundo. Estima-se que os carros possam atingir mais de 340km/h ao longo da Strip, num traçado que terá 6,12km, o que deve dar uma corrida de 50 voltas. O traçado inclui três rectas, uma sequência de curvas rápidas, uma chicane e três curvas praticamente a 90º.

O traçado do circuito de Las Vegas

Quanto a datas, para já sabemos que será em Novembro. Falou-se no fim-de-semana após o Thanksgiving, um dos mais movimentados do ano nos Estados Unidos mas, para já, a Fórmula 1 apenas refere que a corrida será em Novembro, sem especificar o fim-de-semana.

O contrato inicial é de apenas três anos mas Stefano Domenicali diz que têm a intenção de ficar muito mais tempo.

Outra particularidade do novo Grande Prémio é o dia a que se disputa. Pela primeira vez desde o Grande Prémio da África do Sul de 1985 vamos ter uma corrida de Fórmula 1 a um Sábado. A Liberty quer realizar a corrida à noite, em horário nobre nos Estados Unidos, e bem cedinho no manhã da Europa.

Las Vegas finalmente diz “Welcome” à Fórmula 1!

Estados Unidos a triplicar

Las Vegas junta-se assim a Austin (COTA) e Miami, prova que se estreia este ano.

A inclusão de Las Vegas no calendário de 2023 significa que os Estados Unidos voltam a ter três provas no mesmo ano no Mundial de Fórmula 1, um desejo da Liberty. A última, e única vez, que tal sucedeu, foi precisamente no ano da última visita a Las Vegas, em 1982. Desde então, o único país a receber três corridas no mesmo ano foi Itália, em 2020 e devido à pandemia.

O contrato de Las Vegas é único, uma vez que é um contrato estabelecido directamente pela Liberty (dona da Fórmula 1) e a cidade de Las Vegas. Ao contrário do que acontece com todas as outras provas do calendário, não há um promotor envolvido.

A Fórmula continua a sua estação nos Estados Unidos em força. Ainda antes de Las Vegas, este ano haverá a estreia de Miami. O circuito no Hard Rock Stadium ainda está em construção.

Calendário continua a crescer

A entrada da nova prova significa mais um acréscimo no calendário. Esta temporada, a Fórmula 1 tem um calendário com 23 corridas, o maior de sempre. O cancelamento definitivo do Grande Prémio da Rússia abriu uma vaga no calendário que pode ser ocupada directamente por Las Vegas. Contudo, a Fórmula 1 tem contrato com mais dois grandes prémios. China e Qatar devem regressar em 2023 mas não estão no calendário deste ano.

Com o regresso destas duas provas e a estreia de Las Vegas, a Fórmula 1 fica com um calendário de 25 provas, uma conhecida ambição da Liberty. Este número é o limite de provas por ano previstos no actual Pacto da Concórdia. Resta saber se a Fórmula 1 vai mesmo propor um calendário de 25 provas ou se alguma das actuais fica pelo caminho já em 2023.

O anúncio do Grande Prémio de Las Vegas não foi um segredo muito bem guardado

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *