Home » Final do segundo dia de testes em Barcelona

Final do segundo dia de testes em Barcelona

E já só falta um dia

Parece que ainda foi ontem que vimos os novos em pista pela primeira vez (espera… se calhar foi mesmo) e já estamos quase a terminar a primeira semana de testes da Fórmula 1.

Ontem de manhã foi um Ferrari o mais rápido (Leclerc), depois um McLaren (Norris) terminou o dia na frente. Hoje foi a vez da McLaren fazer o melhor tempo na sessão da manhã (Ricciardo) e Leclerc ser o mais rápido da tarde e na geral do dia. É interessante também notar que Leclerc fez o melhor tempo com os C3 quando já houve carros a rodar com os (teoricamente) mais rápidos C4, nomeadamente Gasly e Ricciardo que se seguem na tabela. Red Bull e Mercedes continuam a marcar os melhores tempos de C2. Ainda relativamente aos tempos, de salientar que Leclerc e Gasly já rodam abaixo da marca do 1:20. Apesar disso, não superaram a marca de ontem de Lando Norris que fez 1:19.568 contra o 1:19.689 de Leclerc. Recorde-se que o ano passado a pole-position de Hamilton em Barcelona foi 1:16.741 e Verstappen fez a melhor marca em corrida a 1:18.149.

Destaque ainda para Gasly e Ricciardo, ambos a fazer bem acima das 100 voltas (147 e 126, respectivamente). A Ferrari foi a equipa que mais rodou com 150 voltas no total, dividas por Sainz e Leclerc.

A Alfa Romeo, que estreou Guany Zhou na sessão da tarde, parece ter resolvido os problemas que a vinham atormentando e Zhou já conseguiu completar 71 voltas. E por falar em problemas, estes estão a ficar marcados definitivamente pelo “porpoising“. Ou “bamboleo”, como gostamos de lhe chamar por aqui. Quase todas as equipas, em diferentes níveis, estão a ser afectadas por esta problema.

Ambas as sessões do dia foram interrompidas por bandeiras vermelhas. Sergio Pérez parou na pista ao final da manhã com problemas de caixa e Nikita Mazepin ficou parado na sessão da tarde com problemas na bomba de combustível.

Rússia e Fórmula 1

Por último, o elefante na sala durante o dia de hoje vinha de fora da pista. Com a invasão da Rússia à Ucránia muitas questões se levantam para a Fórmula 1. A mais óbvio de todas: vai haver Grande Prémio da Rússia? Perante o cenário actual parece improvável mas Sebastien Vettel já disse que, caso se realize, ele não estará presente mas não foi o único piloto a dizer que não há condições para se correr na Rússia actualmente. A Haas, equipa que corre com as cores da bandeira russa estampadas no carro devido ao patrocínio da UralKali, desapareceu do público. Günther Steiner e Nikita Mazepin eram esperados em conferências de imprensa durante o dia mas nenhum deles apareceu.

Amanhã é o último dia de testes em Barcelona este ano. Os testes prosseguem depois em Março no Bahrein.

Ficam os tempos e a galeria de imagens da tarde.

# Piloto Carro Melhor Tempo Composto Voltas
1 Leclerc Ferrari 1m19.689s C3 79 voltas
2 Gasly AlphaTauri 1m19.918s C4 147 voltas
3 Ricciardo McLaren 1m20.288s C4 126 voltas
4 Russell Mercedes 1m20.537s C3 66 voltas
5 Sainz Ferrari 1m20.546s C3 71 voltas
6 Vettel Aston Martin 1m20.784s C3 74 voltas
7 Perez Red Bull 1m21.430s C2 78 voltas
8 Mazepin Haas 1m21.512s C2 42 voltas
9 Albon Williams 1m21.531s C2 47 voltas
10 Zhou Alfa Romeo 1m21.885s C2 71 voltas
11 Latifi Williams 1m21.894s C3 61 voltas
12 Stroll Aston Martin 1m21.920s C2 55 voltas
13 Schumacher Haas 1m21.949s C3 66 voltas
14 Ocon Alpine 1m22.164s C3 125 voltas
15 Bottas Alfa Romeo 1m22.288s C3 21 voltas
16 Hamilton Mercedes 1m22.562s C2 40 voltas

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *