McLaren

MCLAREN F1 TEAM

Daniel Ricciardo

Lando Norris

Nacionalidade Chassis Unidade Motriz
MCL35M Mercedes-AMG F1 M12
Sede da equipa Woking, Reino Unido
Classificação em 2020  3º (202  pontos)
CEO  Zak Brown
Team Principal  Andreas Seidl
Director Técnico  James Keu
Grandes Prémios  885 (881 iniciados)
Estreia  1966 (GP do Mónaco)
Anos no activo  1966-presente

PALMARÉS

Total Primeira Última
Vitórias 182 GP da Bélgica 1968 (Bruce McLaren) GP do Brasil 2012 (Jenson Button)
Pole-positions 155 GP do Canadá 1972 (Peter Revson) GP do Brasil 2012 (Lewis Hamilton)
Voltas mais rápidas 158 GP da África do Sul 1970 (John Surtees) GP da Turquia 2020 (Lando Norris)
Pódios 488 GP de Espanha 1968 (Denny Hulme) GP de Itália 2020 (Carlos Sainz)
Dobradinhas 47 GP do Canadá 1968 (1. Denny Hulme, 2. Bruce McLaren) GP do Canadá 2010 (1. Lewis Hamilton, 2. Jenson Button)
Títulos de Campeão do Mundo de Pilotos 12 – 1974 (Emerson Fittipaldi), 1976 (James Hunt), 1984 (Niki Lauda), 1985 (Alain Prost), 1986 (Alain Prost), 1988 (Ayrton Senna), 1989 (Alain Prost),  1990 (Ayrton Senna), 1991 (Ayrton Senna), 1998 (Mika Häkkinen), 1999 (Mika Häkkinen), 2008 (Lewis Hamilton)
Títulos de Campeão do Mundo de Construtores 8 – 1974, 1984, 1985, 1988, 1989,  1990, 1991, 1998
Breve História A McLaren é a segunda equipa há mais anos em actividade consecutiva no Mundial de Fórmula 1 estando em actividade desde 1966. Fundada por Bruce McLaren, o neo-zelandês foi também piloto e o primeiro a vencer pela equipa com o seu nomes, um dos poucos a poder orgulhar-se desse feito. Após a morte de Bruce durante um teste privado em 1970, a equipa ficou na mão de Teddy Mayer até à entrada de Ron Dennis em 1981 que estaria à frente da equipa durante quase 40 anos. Durante o período de Dennis a equipa teria parcerias de sucesso com a Honda e mais tarde com a Mercedes que se tornaria uma das principais accionistas da McLaren até decidir regressar em nome próprio em 2010. Após um regresso mal sucedido à parceria com a honda em 2015, Ron Dennis deixaria a equipa no início de 2017 e a McLaren continuaria como equipa independente até ao presente. Actualmente a equipa é pertença de um consórcio de accionistas liderado pelo fundo de investimento da família real do Bahrein, Mansour Ojjeh, Michael Latifi e uma série de pequenos accionistas com Zak Brown à frente dos destinos da McLaren.
Nomes anteriores

McLaren 1966-presente

REDES SOCIAIS Página oficial Twitter Instagram Facebook