Home » Manhã do segundo dia de testes em Barcelona

Manhã do segundo dia de testes em Barcelona

E ao segundo dia… uma bandeira vermelha!

Não, ninguém bateu, ninguém se magoou. Foi só Sergio Pérez que ficou parado na pista a poucos minutos do final da sessão mas deu para ver que os sinais estão a funcionar e as bandeiras não apanharam traça durante o inverno.

Foi uma sessão mais calma, menos actividade em pista nas primeiras horas mas ainda deu para as equipas acumularem muitas voltas. Quer dizer, isto é verdade se não estivermos a falar da Alfa Romeo que continua a rodar muito pouco. Apenas 21 voltas para Valtteri Bottas. Os suiços mais italianos da Fórmula 1 já têm a caminho novas peças para resolver um grave problema de “porpoising” (por quem? Andava aos pulinhos, digamos assim). A Haas que foi uma das equipas que menos rodou ontem já conseguiu realizar acumular mais de 60 voltas.

Quanto a tempos, é a velha história dos testes: valem muito pouco nesta altura. Sainz esteve à frente da tabela durante a maior parte do tempo mas no final da sessão acaba por ser a McLaren a colocar um carro na frente da tabela novamente, desta vez com Daniel Ricciardo.

Os campeões em título de pilotos e construtores não fizeram voltas rápidas e acabaram por marcar os seus melhores tempos com C2, tal como Ocon no Alpine.

Os testes seguem durante a tarde e, à falta de directos, se não souberem o que fazer durante a tarde, podem sempre ler a nossa análise ao RB18.

# Piloto Carro Melhor Tempo Composto Voltas
1 Ricciardo McLaren 1m20.355s C3 65 voltas
2 Sainz Ferrari 1m20.546s C3 71 voltas
3 Gasly AlphaTauri 1m20.764s C3 61 voltas
4 Albon Williams 1m21.531s C3 47 voltas
5 Stroll Aston Martin 1m21.920s C3 55 voltas
6 Schumacher Haas 1m21.949s C3 66 voltas
7 Bottas Alfa Romeo 1m22.288s C3 21 voltas
8 Perez Red Bull 1m22.412s C2 38 voltas
9 Hamilton Mercedes 1m22.562s C2 40 voltas
10 Ocon Alpine 1m23.280s C2 66 voltas

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *