Home » RESULTADOS: o fim-de-semana de 20 de Março

RESULTADOS: o fim-de-semana de 20 de Março

Banquete de corridas!

Ninguém se pôde queixar de falta de entretenimento este fim-de-semana. Houve corridas para todos os gostos e em todo o lado. Desde o regresso da Fórmula 1, ao MotoGP ou Super Sebring, o tempo fez-se curto no penúltimo fim-de-semana de Março.

Vamos então passar os olhos nos resultados das principais corridas do fim-de-semana.

Fórmula 1

A tão ansiada estreia dos novos carros deu-nos uma corrida muito entretidinha no Bahrein. Charles Leclerc e a Ferrari dominaram a primeira prova da nova era, com a Scuderia a conseguir uma vitória que lhe fugia há mais de dois anos, ainda por cima com uma dobradinha para ajudar à festa.

Charles Leclerc terminou com o jejum de vitórias da Ferrari

Lewis Hamilton diminiu danos para a Mercedes e completou o pódio. Um pódio conseguido após o colapso dos Red Bull, que deixou a corrida do Bahrein em branco no campeonato.

O resumo mais completo da corrida do Bahrein pode ser lido aqui.

O Mundial segue agora para a Arábia Saudita, com a próxima prova a decorrer já no próximo fim-de-semana.

Classificação do Grande Prémio do Bahrein de Fórmula 1

MotoGP

O Domingo de corridas começou cedo. Ainda antes da Fórmula 1, já A Portuguesa se tinha feito ouvir na Indonésia.

De regresso ao país 25 anos depois, a prova indonésia voltou ao calendário do MotoGP, agora no novo Circuito Citadino Internacional de Mandalika. Um dilúvio abençoou o regresso do MotoGP à Indonésia e foi Miguel Oliveira quem surfou melhor na nova prova.

Miguel Oliveira provou que os falcões dão-se bem na água.

Partindo de sétimo, Oliveira fez um arranque canhão e já era segundo na primeira curva. Não tardou a chegar a primeiro e liderou toda a prova com autoridade.

Quartararo partiu da pole mas teve um mau arranque mas, ainda assim o Campeão do Mundo conseguiu recuperar até segundo. Johann Zarco completou o pódio. A prova ficou ainda marcada pela ausência de Marc Marquéz, vítima de um violentíssimo acidente no Warm Up. Felizmente, parece não ter havido consequências de maior. O resumo do Grande Prémio da Indonésia pode ser lido aqui.

Após duas provas, Bastianini lidera o Mundial de MotoGP com 30 pontos. Brad Binder é segundo com 28 e Quartararo é terceiro com 27. Miguel Oliveira é quarta classificado com 25 pontos.

O MotoGP regressa no fim-de-semana de 3 de Abril na Argentina, em Termas de Río Hondo.

Classificação do Grande Prémio da Indonésia de MotoGP

WEC

As 1000 Milhas de Sebring, prova de abertura do WEC, foi encurtada devido ao mau tempo. Numa prova marcada por várias bandeiras vermelhas, a terceira foi final e mandou todos para casa mais cedo.

A primeira bandeira vermelha surgiu devido a um acidente do Toyota #7, com o carro na altura pilotado por José Maria Lopez a ficar muito mal tratado depois de um choque com as barreiras. A proximidade de trovoadas na região levou a uma segunda bandeira vermelha. As trovoadas acabariam por terminar com a corrida de vez, o que acabou por ser um anti-clímax.

No meio disto tudo, a vitória foi para a Alpine que assim se estreou a vencer com o A480 ex-LMP1. O Toyota #8 foi segundo e o Glickenhaus fechou o pódio e a categoria dos Hypercar.

António Félix da Costa foi o melhor português em Sebring, no WEC com o sétimo lugar nos LMP2

Entre os portugueses as coisas não correram muito bem. O #38 da Jota e António Félixa da Costa foi sexto entre os LMP2 e o #22 da United e Filipe Albuquerque foi apenas sétimo.

A vitória entre os LMP2 foi para a United Autosport mas com o #23.

O WEC regressa a 7 de Maio com as 6 horas de Spa-Francorchamps.

Os 10 primeiros classificados das 1000 Milhas de Sebring no WEC

IMSA

Sebring foi fim-de-semana de dose dupla para a resistência, e este Super Sebring teve também as 12h de Sebring do IMSA.

A Cadillac dominou a clássica prova norte-americana, ocupando os três lugares do pódio com o #02, o #5 e o #31. O #10 da Wayne Taylor e Filipe Albuquerque foi apenas quarto classificado.

Ainda não foi desta que Filipe Albuquerque juntou o caneco de Sebring à coleção

A vitória parecia estar ao alcance da Wayne Taylor que liderava a prova quando Will Stevens cometeu um erro grosseiro e saiu do pit-lane pelo sítio errado. Um errou que causou um drive-through instantâneo. O Acura #10 ainda recuperou até quarto mas sem mais nenhum FCY até final, não foi suficiente para ultrapassar a armada Cadillac.

O IMSA regressa a 10 de Abril com o Grande Prémio de Long Beach.

Os 10 primeiros classificados das 12h de Sebring do IMSA

Fórmula 2 e Fórmula 3

O Grande Prémio do Bahrein também serviu para o regresso das fórmulas de promoção à Fórmula 1. Desta vez foi em dose dupla, com a Fórmula 2 e a Fórmula 3 a estrearem em simultâneo e com um novo formato.

Na corrida de sprint a vitória foi para Richard Verschoor, com Jehan Daruvala e Liam Lawson a completar o pódio.

Top 8 da Sprint Race do Bahrein de Fórmula 2

No Domingo foi a vez de Théo Pouchaire trazer a vitória para a ART. A pole-position foi para Jack Doohan que foi lutando com Pouchaire pela vitória até à paragem nas boxes. À saída, um toque no francês condicionou a corrida que Doohan que acabou por ser apenas 10.

Pourchaire acabria por vencer, seguido de Liam Lawson e Jüri Vips.

Com este resultado, Pourchaire sai do Bahrein na liderança do campeonato com 25 pontos, mais 1 que Lawson e mais 7 que Vips.

O campeonato de Fórmula 2 segue já no próximo fim-de-semana, na Arábia Saudita.

Top 10 da Feature Race do Bahrein de Fórmula 2

Na Fórmula 3 foi Isack Hadjar, da Hitech, o primeiro vencedor do ano, ao ser o mais rápido na corrida sprint. O pódio ficou completo com Oliver Bearman da Prema e Alexander Smolyar, da MP Motorsport.

Top 10 da Sprint Race do Bahrein de Fórmula 3

Na corrida principal, no Domingo foi o luso-francês Victor Martins a abrir o espumante, ou o que quer que os senhores abram lá no Bahrein. Arthur Leclerc da Prema subiu ao segundo lugar do pódio e Grégoire Saucy da ART completou o pódio.

Victor Martins sai do Bahrein líder do campeonato com 25 pontos, seguido do mais novo dos Leclerc com 24 e Oliver Bearman é terceiro, com 17 pontos.

A Fórmula 3 regressa em Imola, a 24 de Abril durante o Grande Prémio da Emília-Romanha.

Top 10 da Feature Race do Bahrein de Fórmula 2

IndyCar

A IndyCar foi ao Texas para a primeira corrida em circuitos ovais da época na Texas Motor Speedway. Depois de duas corridas muito mornas em 2021, este ano a oval do Texas deu-nos uma corrida espectacular, com muitas ultrapassagens e mudanças de líder.

Newgarden deu a 600ª da sua história à Penske Racing Organization

O vencedor acabou por ser decidido na última curva, com Josef Newgarden a ultrapassar Scott McLaughlin nos últimos metros da corrida. McLaughlin esteve perto de conseguir a segunda vitória do ano mas mesmo assim o caneco veio para a Penske, que consegue uma dobradinha na 600ª vitória total da Penske Organization.

McLaughlin lidera com 97 pontos, Will Power é segundo com 69 e o Campeão em Título, Alex Palou, é terceiro com 67 pontos.

Tal como o IMSA, a IndyCar regressa a 10 de Abril nas ruas de Long Beach.

Classificação da XPEL 375 na Texas Motor Speedway na IndyCar

NASCAR

A Nascar foi a Atlanta para a quinta prova da Cup Series. William Byron deu mais uma vitória à Hendrick e tornou-se o quinto vencedor diferente do ano em cinco corridas.

Na próxima semana, a NASCAR vai ao Texas, para a primeira prova do ano em circuitos convencionais no Circuito das Américas.

Primeira vitória do ano para William Byron

O próximo fim-de-semana será mais calminho. Apenas há Fórmula 1, Fórmula 2 e NASCAR, para além do Rally dos Açores a contar para o Campeonato Europeu de Rallys e, provavelmente, o rally com o cenário mais bonito do mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *